Projeto cria Semana de Conscientização e Combate à Dengue

Publicado em: 01 de julho de 2019

De autoria do vereador Celso Luccatti Carneiro, o Celso da Bicicletaria (PPS), foi protocolado, na última semana, o Projeto de Lei 53/2019, que dispõe sobre a criação da “Semana de Conscientização de Combate à Dengue” nas unidades escolares de Santa Barbara d'Oeste. Conforme a propositura, essa semana de conscientização deverá ser promovida anualmente na primeira semana do mês de novembro, com o intuito de mobilizar os cidadãos e de informá-los sobre a importância da prevenção e combate ao mosquito transmissor da doença.

 

O projeto prevê que, na referida semana, serão promovidas ações planejadas como blitz educativa em parceria com os órgãos de trânsito, caminhada de mobilização e roda de conversa, além da coleta seletiva de resíduos através do projeto “Cata Treco”. Ainda de acordo com a propositura, o Poder Executivo poderá organizar palestras e seminários sobre métodos de prevenção e combate ao mosquito. Além disso, as escolas poderão celebrar parcerias com hospitais e outros órgãos públicos e privados para promover diversas ações de conscientização.

 

Na exposição de motivos do projeto, Celso afirma que a prevenção e o combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya deve ser efetiva, porém intensificada no mês de novembro, quando já ocorre o período chuvoso.  "É extremamente importante que a ‘Semana de Conscientização de Combate à Dengue’ seja realizada em todas as unidades escolares do município. Contando com a participação de toda a população para que nesse período, sejamos responsáveis para eliminar todo e qualquer recipiente que possa acumular água", afirmou.

 

Ainda de acordo com Celso, o referido projeto pretende mostrar que a mobilização e a união de todos, governo e população, é a melhor forma de derrotar o mosquito, principalmente nos meses de novembro e maio, considerados os períodos epidêmicos para as doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. Neste período, o calor e as chuvas são condições ideais para a sua proliferação. "As ações de prevenção e combate ao mosquito Aedes aegypti são permanentes e devem ser tratadas como prioridade pelo município", disse.


Publicado por: Fernando Campos - Mtb 39.684

Cadastre-se e receba notícias em seu email